Dia Mundial de Combate às Drogas e ao Alcoolismo

No dia 20 de fevereiro foi celebrado o dia mundial de combate às drogas e ao alcoolismo. O uso indevido de substâncias como álcool, cigarro, crack e cocaína é um problema de saúde pública mundial, pois além do impacto na saúde afeta valores culturais, sociais, econômicos e políticos. A dependência às drogas e o alcoolismo […]

No dia 20 de fevereiro foi celebrado o dia mundial de combate às drogas e ao alcoolismo. O
uso indevido de substâncias como álcool, cigarro, crack e cocaína é um problema de saúde
pública mundial, pois além do impacto na saúde afeta valores culturais, sociais, econômicos e
políticos.

A dependência às drogas e o alcoolismo é considerada uma doença pela Organização Mundial
de Saúde (OMS), que estima que o consumo de drogas é responsável por cerca de meio milhão
de mortes a cada ano.

No Brasil, as drogas ilícitas também financiam o crime e a violência, por isso, seu combate
continua a ser um enorme desafio para o nosso país.
Grande parte dos usuários é jovem e começa a usar essas substâncias ainda na escola, em
idade cada vez mais prematura.

Segundo o Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas (CEBRID), a
adolescência é um período do desenvolvimento no qual tendem a ocorrer os primeiros
episódios de uso de bebidas alcoólicas ou outras drogas.

A maioria dos adolescentes que faz uso de bebidas alcoólicas relata motivos “sociais” como o
principal motivo tendo como motivações a busca pelo prazer, a diversão, a
experimentação/curiosidade, a valorização social/pertencimento, o alívio do tédio, o
relaxamento, bem como problemas pessoais.

As drogas mais usadas, excetuando o álcool e o tabaco, pela ordem, são: solventes, maconha,
ansiolíticos, anfetamínicos, anticolinérgicos e bebidas energéticas.
As manifestações clínicas do uso de drogas podem variar de acordo com o tipo, sendo mais
comuns a fala lenta, olhos vermelhos, alteração no tamanho das pupilas, ganho ou perda de
peso rápidos e coordenação alterada.

As alterações comportamentais são perceptíveis quando ocorrem mudanças no
relacionamento familiar e no trabalho, com faltas frequentes, diminuição da produtividade,
comprometimento financeiro e perda de interesse nos relacionamentos antes construídos.
Quando há a suspeita de que alguém próximo possa estar utilizando drogas, o ideal é
conversar para entender o que está acontecendo, e procurar ajuda especializada.

Nas propostas de prevenção ao uso de drogas, o consenso é a conscientização, permitindo ao
usuário considerar uma série de fatores e ter condições de fazer escolhas.

Companheirismo, disposição para ajudar e carinho são fundamentais neste momento.

Outras notícias

Arboviroses: Zika Chikungunya e Dengue

  Nos últimos 10 anos, temos observado a emergência de algumas doenças transmitidas por mosquitos vetores em diferentes países das Américas, em especial as arboviroses, como Chikungunya, Zika e Dengue. Confira a diferença entre elas: – Dengue: mais conhecida entre as três arboviroses, seus sintomas mais comuns são febre alta, cansaço excessivo, dores de cabeça, […]

Doação de Medula Óssea

  A doação de medula óssea é um tratamento proposto para algumas doenças que afetam as células do sangue. Ele é feito através do transplante de medula óssea com células normais, substituindo o tecido doente ou com alguma deficiência. Abaixo, incluímos algumas informações referentes ao tema: Como é o procedimento para o doador? Antes da […]

Saúde Ocular

  Boa parte das informações que recebemos durante a vida são por meio da visão, um dos principais sentidos do ser humano. Cuidar dos nossos olhos com medidas preventivas e curativas, quando necessárias, é fundamental para mantermos nossa saúde ocular em dia. As conjuntivites bacterianas, virais e alérgicas, o tracoma (uma forma de conjuntivite crônica), […]